Placemaking: conceito urbanístico inovador adotado na Cidade Criativa Pedra Branca

Tempo estimado: 2 minutos

Placemaking é um conceito urbanístico que abrange o planejamento, criação e gestão de espaços públicos totalmente voltado para as pessoas. O objetivo é tornar o ambiente urbano mais vivo, convidativo, confortável e seguro para estimular interações entre as pessoas e promover comunidades mais saudáveis e felizes.

O movimento Placemaking tem como proposta observar o uso dos espaços públicos, assim como ouvir as pessoas que vivem, trabalham ou visitam um local para descobrir suas necessidades e desejos para promover soluções urbanas que transformam a relação das pessoas com a cidade

A partir do entendimento da relação das pessoas com a cidade, é possível criar espaços públicos de qualidade que contribuam para a saúde, a felicidade e o bem-estar das pessoas. A seguir, listamos qualidades comuns em espaços públicos bem-sucedidos:

  • Acessibilidade e conexões

Promove a diversidade de usos dos espaços urbanos, com empreendimentos residenciais e comerciais que oferecem um variado mix de produtos e serviços para compras, lazer e entretenimento, contribuindo para estimular a vida em comunidade.

  • Conforto e imagem

Possui lugares para sentar, uma vista agradável e em harmonia com a natureza, além de outros atributos que o tornam o local mais convidativo, desenvolvendo bons espaços públicos que promovam saúde, felicidade e bem-estar.

  • Usos e atividades

Dispõe de atividades variadas e gentilezas urbanas com o objetivo de transformar a relação das pessoas com a cidade. Desta forma, os espaços vão atrair pessoas, tornando-se locais de convívio, lazer e cultura e promovendo maior sensação de segurança a moradores e visitantes.

  • Sociabilidade

Incentiva a criação de atividades e conexões, sejam elas culturais, econômicas, sociais ou ambientais, que determinam a vocação do lugar e promovem seu desenvolvimento. 

Continue a leitura deste artigo para entender o motivo pelo qual a Cidade Criativa Pedra Branca é considerada um case de placemaking. 

Cidade Criativa Pedra Branca é um case de placemaking

Referência internacional em planejamento urbano sustentável, a Cidade Criativa Pedra Branca é um case exemplar de placemaking. Localizado no município de Palhoça, na Grande Florianópolis (SC), o bairro-cidade vem sendo construído há 20 anos, pautado pelas diretrizes do novo urbanismo e da criação de uma cidade para pessoas.⠀

A transformação do loteamento residencial no bairro-cidade premiado e reconhecido mundo afora, teve início em 2005, quando os empreendedores conheceram o conceito do placemaking e investiram em pesquisas e estudos e na contratação da consultoria de escritórios de arquitetura e urbanismo especializados como Gehl Architects, Jaime Lerner e DPZ Latin America para orientar escritórios de arquitetura locais para a criação do “melhor bairro para se viver” em Santa Catarina.

O projeto urbanístico inovador se destacou com a inauguração do Passeio Pedra Branca – shopping a céu aberto do bairro na primeira rua compartilhada do país – a nova centralidade de bairro foi consolidada, com mix de 45 lojas, serviços e gastronomia integrado a empreendimentos residenciais e comerciais e áreas de lazer e com infraestrutura adequada que possibilita morar, trabalhar, estudar e se divertir ao alcance de uma caminhada.

Em entrevista exclusiva ao Somos Cidade, Clarice Mendonça de Oliveira, Gerente de Marketing no Grupo Pedra Branca, revela os “segredos” da criação desse lugar e os desafios enfrentados para a sua implantação.

Clique aqui para conferir a entrevista na íntegra

Categoria:
Sem categoria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *