Comunidades planejadas são projetos urbanísticos que integram empreendimentos multiuso, com imóveis tanto residenciais quanto comerciais, além de serviços e opções de lazer e entretenimento para que moradia, trabalho e lazer sejam acessíveis ao alcance de uma caminhada

O projeto urbanístico de comunidades planejadas é pensado para atender a vocação natural do endereço e para receber um número viável de moradores e comerciantes. Por isso, desde sua concepção, é importante realizar um estudo prévio, assim como estudar evolução do bairro e como ele irá se integrar com os bairros ao seu redor e ao próprio município em que se encontra localizado e, até mesmo, com os municípios vizinhos, impactando positivamente no desenvolvimento da região onde está instalado.  

Ao promover o desenvolvimento urbano de forma planejada e sustentável, a infraestrutura do endereço é planejada e executada para atender as demandas dos moradores da região e de investidores. Criando soluções urbanas permanentes para a cidade em termos de mobilidade, mobiliários urbanos amigáveis, sustentabilidade e segurança. Os espaços públicos são destinados a todas as necessidades de serviço e comércio dessa população, como escolas, supermercados, área de lazer, mobilidade, farmácias, cursos de idiomas, consultórios médicos, farmácias e até mesmo hospitais.

Em projetos de comunidades planejadas é preciso vislumbrar resultados de longo prazo. São benefícios que serão desenvolvidos e usufruídos no decorrer do tempo, trazendo assim uma qualidade de vida para todos que vivem, trabalham ou frequentam a região

Cidade Criativa Pedra Branca: exemplo de comunidade planejada na Grande Florianópolis

A Cidade Criativa Pedra Branca é um exemplo de comunidade planejada na Grande Florianópolis. O planejamento e desenvolvimento urbano da Cidade Criativa Pedra Branca segue as premissas do Novo Urbanismo, promovendo usos mistos dos espaços urbanos e planejando uma comunidade completa, compacta, conectada, complexa e com convivência. Assim nasceu uma comunidade planejada onde as pessoas possam morar, trabalhar, estudar e se divertir ao alcance de uma caminhada.

Completa

A Cidade Pedra Branca foi planejada para acolher, num futuro próximo, 40 mil moradores, 30 mil trabalhadores e 10 mil estudantes, de forma equilibrada. A quantidade de quadras planejadas e de empreendimentos seguiu cuidadoso planejamento para que o endereço seja completo e ofereça moradia, trabalho, estudo e lazer.

Compacta 

A infraestrutura compacta da Cidade Criativa Pedra Branca incentiva a caminhabilidade. Um conceito de mobilidade urbana sustentável, que estimula a caminhada agradável em espaços especialmente planejados para priorizar o pedestre. A iniciativa possibilita que as pessoas façam suas atividades do dia a dia sem precisar usar o carro, investindo na caminhada, na bicicleta e em outros modais ativos, além de entregar para a cidade uma nova centralidade que contribui com o desenvolvimento de toda a região.

Conectada

As comunidades planejadas consideram a requalificação dos espaços de uso comuns, criando uma rede de áreas de lazer integradas ao ambiente natural, que potencialize a ocupação destes espaços e a interação entre pessoas.

Complexa

O inovador método colaborativo para desenvolvimento da Cidade Pedra Branca resultou em soluções criativas e projetos eficientes. A metodologia adotada foi a Charrete que consiste em um trabalho coletivo, colaborativo, reunindo um time multidisciplinar para debater e cocriar uma comunidade planejada. 

Convivência

A Cidade Criativa Pedra Branca adota o conceito de placemaking que traz um processo de planejamento, criação e gestão de espaço urbano voltado para as pessoas, visando uma maior interação entre elas. O desenvolvimento do espaço urbano é planejado para transformar a relação das pessoas com a cidade, proporcionando pontos de encontro de uma comunidade (parques, praças, ruas e calçadas) em lugares mais agradáveis e atrativos que favorecem a convivência. 

Comentários