Cada vez mais a sociedade tem se conscientizado sobre a necessidade de reduzir o impacto ambiental, investindo no uso de fontes renováveis de energia e adotando medidas sustentáveis no dia a dia. Nesse contexto, a arquitetura sustentável torna-se um diferencial competitivo no mercado imobiliário e muitos projetos arquitetônicos têm adotado esse conceito na construção de empreendimentos residenciais e comerciais.

As casas, condomínios e até mesmo cidades inteligentes têm ganhado cada vez mais notoriedade e reconhecimento pela sua capacidade de otimização de recursos, evitando desperdícios que podem significar economia nas despesas e redução do impacto ao meio ambiente.

Neste artigo, vamos explorar algumas das principais novidades e tendências que estão sendo incorporadas nesse setor para que um mundo sustentável se torne cada vez mais possível. Continue a leitura!

Como a tecnologia e a arquitetura sustentável podem minimizar os impactos ao meio ambiente?

Um estudo da Abesco (Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Conservação de Energia), feito em 2016, revelou que consumidores residenciais podem deixar de emitir 1 tonelada de gases poluentes por ano com a utilização de equipamentos fotovoltaicos. De acordo com o estudo, se 20 mil unidades residenciais conseguissem produzir cerca de 180kwh/mês, seria possível frear a emissão de 26 mil toneladas de CO2 na atmosfera a cada ano, gerando uma economia de até R$22 milhões por ano.

Esse exemplo demonstra a força e a capacidade que a arquitetura sustentável tem de minimizar os impactos ambientais e gerar economia para os proprietários de empreendimentos que contam com a inclusão dessas tecnologias. Além disso, os pilares do novo urbanismo contam com inovações para otimização do espaço urbano, reduzindo distâncias e o tempo de deslocamento, priorizando o bem-estar dos moradores e reduzindo problemas ligados à poluição do ar, congestionamento, entre outros. 

Entre as vantagens de morar em um empreendimento que conta com uma arquitetura sustentável estão a alta valorização no mercado pelo fato de apresentar alguns diferenciais, entre eles: elevação do padrão de qualidade de vida, reutilização de recursos naturais, como a captação da água da chuva, e redução de emissão de gases que aceleram o efeito estufa.

Além disso, um empreendimento bem projetado proporciona maior incidência de luz natural e melhor circulação de ar que, em muitos casos, podem dispensar a utilização de reguladores elétricos de temperatura.

Diferenciais dos empreendimentos residenciais com arquitetura sustentável

A popularização desse tipo de empreendimento vem crescendo no Brasil. No entanto, ainda há poucos empreendimentos inteligentes que adotam a arquitetura sustentável, sendo mais comum em regiões desenvolvidas como América do Norte e Europa. Por conta disso, a Cidade Criativa Pedra Branca se destaca no mercado nacional por projetar uma infraestrutura urbana que conta com as mais modernas tecnologias em projetos arquitetônicos de empreendimentos no endereço.

Reconhecida como uma cidade inteligente, a Pedra Branca é um bairro planejado localizado na Grande Florianópolis. Neste endereço foi construído o Pátio Civitas. Empreendimento residencial e comercial que adota o conceito de construção mista, proporcionando o aproveitamento funcional e inteligente dos espaços. Estimulando a integração, o compartilhamento, a convivência e um estilo de vida mais saudável e colaborativo. 

Inovação e sustentabilidade nortearam o projeto do Pátio Civitas, endereço que segue o conceito de urbanismo sustentável incorporado no desenvolvimento do bairro planejado Cidade Criativa Pedra Branca onde está localizado. A construção conta com um sistema integrado de placas solares e gás para aquecimento da água, captação e reserva de água da chuva para reuso em irrigação de jardim e nos vasos sanitários. Além disso, as persianas elétricas e as fechaduras digitais — facilitam ainda mais o dia a dia — trazem um charme moderno ao empreendimento.

A arquitetura sustentável também está presente nas área comuns e no espaço urbano. Por ser um bairro planejado, a Pedra Branca oferece uma diversidade de espaços e serviços que estimulam caminhadas ou passeios de bicicleta em ambientes bem iluminados e arborizados, favorecendo à prática de exercício físico e reduzindo o trânsito e as emissões de poluentes na atmosfera.

Gostou das vantagens que a arquitetura sustentável pode oferecer? Conheça as unidades disponíveis e os diferenciais do Pátio Civitas. Clique aqui para um tour virtual à uma de suas unidades


Comentários